Férias em Saint-Tropez

 

Numa villa em St. Tropez, no sul da França, cinco turistas que não se conhecem – todos eles a fugirem da sua vida do dia-a-dia – veem-se reunidos à força no pequeno Hotel dos Sonhos. Chez Violette parecera ser o refúgio perfeito para o detetive privado Mac Reilly e a sua namorada/parceira, Sunny Alvarez, e para os seus cães Pirate e Tesoro. Sunny chega primeiro e descobre que foram enganados, juntamente com várias outras pessoas que julgaram estar a alugar aquela elegante casa na Riviera francesa. De repente e de forma inesperada, são forçados a solucionar um crime e a desvendar um homicídio, tendo como pano de fundo a soalheira e glamorosa Saint- Tropez.

ISBN: 9789897260490 – Quinta Essência (Leya) / 2013 – 505 páginas


Este é o segundo volume do quarteto Mac Reilly publicado pela Quinta Essência. O primeiro livro deste conjunto (De Malibu, Com Amor) foi uma leitura agradável mas nada de extraordinário. Com mistério e romance, acompanhámos as aventuras de Mac Reilly e companhia por Malibu e também por França. Agora, Mac Reilly e Sunny voltam para desvendar mais mistérios, desta feita na exótica e irresistível cidade de Saint-Tropez, lugar tão desejado pelas celebridades e milionários de todo o mundo. 
Por já conhecer os livros da autora, já sabia bem o que esperar e o livro correspondeu exactamente às expectativas que tinha para ele. Mais uma vez, a autora apresenta-nos uma narrativa agradável, leve e fácil de ler. Com uma escrita simples, acorda a nossa imaginação com as suas belas descrições dos lugares idílicos onde acontecem as suas aventuras ficcionais e deixa-nos água na boca com as pratos gourmet e não só de que os nossos personagens desfrutam. Esta é para mim o grande ponto a favor destes livros. A autora nunca desilude com os seus cenários. 
Os mistérios são sempre interessantes e dão acção e movimento ao enredo e os romances, esses, uns são melhores que outros. No caso deste livro onde os protagonistas são Mac e Sunny, devo dizer que é dos romances mais fracos da autora. Não consigo perceber esta relação e para mim, falta-lhe sentimento e intensidade. A posição de Mac e Sunny quanto ao casamento é ridícula: Mac diz que Sunny é a mulher da vida dele, mas não quer casar e Sunny insiste em querer casar (nunca percebi esta obsessão com o casamento, que triste, parece que só se sente realizada na sua vida se conseguir que o homem lhe meta o anel de casamento no dedo). Por este e por outros factores, não consigo ligar-me com este casal como seria desejável. Tirando esta problemática acho que eles são um casal com todo o potencial, mas a autora estraga o panorama com toda esta insistência irritante no matrimónio. 
Este livro tem vários mistérios interligados que são interessantes q.b.. É verdade que não me deixaram muito ansiosa para descobrir quem era o culpado (ele era assustadoramente óbvio) e que a autora demorou a desenvolver o assunto mas ainda assim, foram muito curiosos de se ler. 
Já nos romances, este livro foi uma embrulhada. Além da confusão que a relação entre Mac e Sunny constituí, os outros romances que se desenvolveram foram tão pobres, tão pobres que fiquei com défice de romantismo a ler o livro. Acho que em vez de esticar tanto o desenvolvimento do mistério, a autora deveria era ter explorado melhor as relações e os problemas pessoais dos outros personagens, dar-lhes mais profundidade psicológica. Assim parece que acabou por juntar os personagens porque era conveniente. 
Este livro não vai ficar na minha memória como um dos melhores da autora, mas gosto sempre de ler os seus livros pelo factor de entretenimento. E pelas viagens que ela me ajuda a realizar. Quero ler os outros dois volumes deste quarteto. 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s