Estados de Espírito #43

Os sonhos são forças motivadoras que nos impelem para o sucesso e para a realização mesmo quando achamos que não é possível chegarmos tão longe. É a mão invisível que nos motiva a dar o passo mais além, é aquilo que nos mantém vivos quando nada na realidade parece satisfazer-nos. Fui criada para acreditar no poder dos sonhos e fui criada com a força e resiliência necessárias para atingir os desejos mais profundos do meu coração. Nunca na vida perdi a fé nos sonhos, mas algures nesse caminho desnivelado que é a vida, cheguei a perder a fé em mim e deixei de acreditar ter essa força e essa resiliência que é preciso para alcançarmos o sítio onde queremos estar.
Nem sempre é fácil manter-mo-nos fiéis ao nosso caminho e aos nossos sonhos. Os elementos que podem desviar-te do teu curso são mais que muitos. A motivação, a fé que tens naquilo que queres alcançar e todas as condicionantes sociais e económicas que estão presas a esses mesmos sonhos são por vezes, quase impossíveis de ultrapassar. E claro, temos as forças que desacreditam todos os teus sonhos. Os que dizem que não consegues, os que dizem que é inútil, que não tem futuro, que isto, que aquilo.
As curvas na estrada são mais que muitas e por vezes podemos olhar para trás e pensar: para que é que afinal, estou a fazer isto? para que é que estou a perseguir os meus sonhos, se são inúteis, se são improdutivos?
Andamos todos à procura do mesmo, e esse mesmo é a felicidade. E nunca percebi porque é que se desacredita os sonhos dos outros, a felicidade daquele que está próximo de nós.
Ao longo dos tempos tenho vindo a provar aos outros, mas mais importante – a mim mesma – que é preciso sonhar e ainda mais fundamental, que é preciso perseguir todos os nossos sonhos. Podemos ser personalidades “pés no chão” mas do que nos vale esta vida se não pudermos sonhar, se não pudermos ter um “algo mais”, desejos que nos acalentam o espírito e que nos enchem o corpo de adrenalina, prontos para provarmos a nós mesmos que somos capazes.
Os sonhos são tão importantes para mim porque me mostram que sou, de facto, capaz. Sou capaz de dar esse passo, de ir até onde o outro não quis, mostram-me que aqueles que continuam desacreditam os objectivos dos outros são aqueles que têm medo de dar esse passo além e são os que continuamente nos cortam as asas para que não sejamos capazes de voar.
Sou sincera, a minha alma tem uma necessidade imensa de voar. Os sonhos são a energia que alimentam o meu espírito e alimentam a minha vontade de alcançar esse “algo mais”. Não há sensação melhor do que olhar para trás e ver a lista dos sonhos com riscos determinantes que gritam REALIZADO. Não há sensação melhor do que ver a nossa alma voar e pensar, fui capaz. E estou a ser capaz. E serei capaz.
Recuso-me e recusar-me-ei a ser desacreditada ou desmotivada. Porque não há melhor sensação do que calar as bocas que dizem “não és capaz”.

(encontrado aqui)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s