Estados de Espírito # 27

De quando em quando passo algum tempo a reflectir no peso que os livros e de um modo mais genérico, as letras, têm na minha vida e no meu quotidiano. 
A maior parte das vezes, não me dou conta que só o facto de ler 10 páginas por dia, me alimenta o espírito e me mantém centrada. 
Sarah Addison Allen escreveu numa das suas obras, umas palavras que me dizem muito e que dizem muito sobre o estatuto dos livros. 


Books can be possessive, can’t they? You’re walking around in a bookstore and a certain one will jump out at you, like it had moved there on its own, just to get your attention. Sometimes what’s inside will change your life, but sometimes you don’t even have to read it. Sometimes it’s a comfort just to have a book around. Many of these books haven’t even had their spines cracked. ‘Why do you buy books you don’t even read?’ our daughter asks us. That’s like asking someone who lives alone why they bought a cat. For company, of course.

 

 E é verdade. Os livros são companhia, mas também são amigos. Há algumas coisas que nem o nosso amigo mais próximo poderá compreender e existe algo que um personagem diz, que nos toca fundo no coração e de certa forma, nos faz sentir melhor. Tal e qual como um amigo faria ao dar os seus conselhos. Pedem pela nossa completa atenção, mas também nos dão conforto quando mais precisamos.
E aí reside um dos maiores presentes da leitura. Seja por que motivo lemos, nunca fechamos um livro sem que ele nos tenha oferecido algo. Nunca acabamos uma leitura sem que esta tenha acrescentado algo dentro de nós, seja esse algo, positivo ou negativo.

  
| daqui |

Advertisements

6 thoughts on “Estados de Espírito # 27

  1. Olá Filipa. Antes de mais parabéns pela rubrica. Embora nem sempre comente, sou leitora assídua destes “Estados de Espírito”. 🙂

    Concordo plenamente contigo e esse é um dos aspectos que mais me cativa na leitura. São, sem dúvida, grandes companheiros e ensinam-nos sempre algo, sobre os mais variados temas. É incrível como nos conseguimos sentir próximos de certos trechos e certas personagens, que quase nos parecem retratar. Também quando me sinto mais em baixo ou cansada, gosto de ler uma obra mais leve, pois faz-me sentir invariavelmente melhor. 🙂

    Boas leituras.

  2. Concordo plenamente contigo!

    Os livros são excelentes alimentos para a alma! Por vezes, para além dos amigos de carne e osso, são aqueles que nos ajudam a recuperar de situações menos boas da nossa vida!

    Em termos profissionais gosto particularmente de uma forma de terapia, a biblioterapia. É um excelente auxiliar para que as pessoas mudem de perspectivas. Com crianças funciona lindamente! Infelizmente muita gente ainda não descobriu os benefícios da leitura e, acima de tudo, do prazer que ela bos proporciona.

  3. São mesmo um alimento. Já tinha ouvido falar desse modo de terapia, Silvana e concordo contigo.
    Espero que com cada ano que passe, a leitura e os seus prazeres sejam descobertos por todos.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s