Amar em Francês

Um único dia em Paris altera a vida de três pessoas decididas a explorarem a cidade com os seus professores de Francês. Mais do que a língua do país, aprenderão a língua do amor e da perda, e as suas vidas cruzar-se-ão de formas surpreendentes. Josie, Riley e Jeremy viajam para Paris por razões diferentes. Josie, uma jovem professora de liceu, chega na esperança de curar um coração partido; Riley, uma espirituosa mas solitária dona de casa expatriada, luta para sentir alguma ligação ao marido e ao novo país. E Jeremy, o reservado marido de uma famosa atriz, veio acompanhar a mulher na rodagem de um filme, mas sente-se distante do mundo dela. Ao travarem conhecimento com os seus professores de Francês — Josie com Nico, um sensível poeta; Riley com Philippe, um inveterado conquistador; e Jeremy com a bela Chantal — sucumbem à inevitável paixão e a imprevisíveis aventuras na Cidade-Luz. À medida que atravessam as grandiosas avenidas e sinuosas ruelas de Paris, Josie, Riley e Jeremy desvendam surpreendentes segredos acerca do seu passado e acabam por encarar de frente algumas verdades há muito escondidas.

ISBN: 9789899711662 – Noites Brancas (Clube do Autor) / 2012

Chantal, Phillipe e Nico são três professores de francês. 
Jeremy, Riley e Josie serão respectivamente os alunos de cada um, durante um dia em Paris. Estas três pessoas viajaram para Paris por motivos diferentes, mas vão encontrar soluções muito similares para cada um dos seus problemas. Jeremy, que é casado com a fama sente-se infeliz no seu casamento. Riley, dona-de-casa inveterada sofre diaramente a tentar criar uma ligação com o país em que vive e  com a pessoa com quem está casada. E por fim, Josie aterrou em Paris na esperança de curar o seu desgosto amoroso.
No entanto, não são apenas os alunos que irão aprender alguma coisa com este dia único na cidade internacional do romance. É que estes três professores também precisam de enfrentar vários demónios pessoais. Será que irão conseguir?
Estes três alunos estão determinados a aprender a língua com os seus respectivo professores, mas não esperaram que uma lição de francês se revelasse uma lição de vida. É que além de aprenderem a língua, estes alunos irão aprender a cultura francesa, aprenderão a olhar para o país e para os seus costumes e aprenderão a olhar para a vida de outra perspectiva, até que percebam que a vida deles não acabou ali. Está, antes, a começar. E para poderem seguir com a vida de cada um, estes três alunos vão ter que, finalmente, enfrentar e derrotar os seus demónios e piores receios. A verdade está prestes a revelar-se difícil de enfrentar, mas será uma viagem reveladora que valerá bem a pena.

Desde que este livro saiu em inglês que estava de olho nele. Fiquei exultante quanto descobri que a chancela Noites Brancas iria no início de 2012 editar a obra da autoria de Ellen Sussman. E fiquei ainda mais entusiasmada quando a  Denise, do Há Luz no Fundo do Túnel acedeu a emprestar-me esta obra para eu poder ler. Quero desde já agradecer do fundo do coração a oportunidade, Denise.

Bem, as expectativas quanto a esta leitura eram praticamente nulas. Confesso que a esperança de que pudesse vir a gostar deste livro era grande, pois o livro parecia tão querido que não quis apanhar nenhuma desilusão. Contudo, agora que cheguei ao fim desta viagem me sinto um pouco dividida. Eu gostei bastante da escrita da autora e da ideia que ela teve de cruzar a vida destas 6 pessoas, que fizeram 3 pares românticos entre si. Achei o enredo muito original e acho que a autora fez um óptimo trabalho a envolver os leitores no ambiente criativo e romântico que se vive na capital francesa. Embora o livro seja muito pequeno, com umas meras 236 páginas, acho que a autora conseguiu desenvolver a ideia de uma forma inteligente. Não muito extensa, mas também sem deixar (muitas) pontas soltas. 
Mas por outro lado, divido-me muito no que toca à exploração das personagens. Gostei imenso da maneira como a autora explorou e desenvolveu as personagens dos alunos: Jeremy, Riley e Josie. Mas no que toca às personagens dos professores, o seu desenvolvimento deixou muito a desejar. Não senti nenhuma ligação com estas três personalidades e muitas vezes fiquei irritada com as visões de vida da cada um. 

O livro é muito leve, tem partes românticas e divertidas. Tem partes igualmente inspiradoras, que me conseguiram levar até à cidade de Paris, mas no entanto, não senti uma ligação muito grande com o livro. Isso fez com que tivesse gostado da experiência, mas fez também com que não me sentisse arrebatada pelas circunstâncias. De facto, tenho que referir o final do livro, que para mim, foi como um golpe baixo. Não queria que o livro tivesse o desfecho que acabou por ter e não fiquei nada contente. 

Somando tudo, recomendaria a leitura deste livro a quem gosta de livros que falem sobre mudar a vida, tomar decisões, enfrentar erros passados. Mas recomendaria sobretudo a quem gosta de Paris, a cidade do amor. 


   



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s