Opinião – Uma Oferta Irrecusável

PODE CONTER SPOILERS
Opinião:
Mais outro livro que li da autora e que adorei. Esta fórmula não desilude e adoro ler os livros dela. São uma lufada de ar fresco.
Leves, divertidos, românticos q.b., é tudo o que se pode pedir para uma tarde bem passada.
Sobre este livro, vou primeiro dizer as partes negativas e deixar o melhor para o fim.

A tradução está péssima. Até dá vontade de arrancar cabelos. Desde frases deste género: “ A Sally entrou pelo apartamento de Sally“, ao facto de a moeda neste livro estar traduzida, mesmo quando nos dias de hoje, a Inglaterra não pertence à Zona Euro, é triste vermos que os tradutores não fazem um esforço para se integrar na história que estão a escrever.
É não ter respeito pelos leitores e pela própria autora, visto que estão a denegrir o trabalho dela. Tantos erros numa obra, é claramente distracção/falta de interesse pelo trabalho que fazem.
Até devem ter vergonha de ver os nomes deles nos créditos, verdade seja dita.
Fiquei muito triste, porque estamos a pagar por um trabalho que não vale um chavo.
O mais triste é ver que na página 264 e 265, a tradutora até utilizou as duas moedas. Um casaco custava 270 libras, mas depois já havia um lenço que custava 8 euros.
Isto é que trabalho de qualidade, han?

Agora as partes boas, que felizmente são em maior quantidade que as partes más.
Mais uma vez, gostei imenso do livro.
Todas as personagens são muito divertidas, o enredo em si, é fantástico. Estão sempre vários acontecimentos a sucederem-se uns aos outros, mas o leitor nunca perde pitada.
Gostei muito das duas personagens principais – a Lola e o Dougie. Embora ache que esta denominação é um pouco falsa para o Dougie, realmente. Ele para mim, é uma personagem secundária. Acho que o Dougie merecia mais cenas e com mais importância. Tenho pena de não o ter conhecido melhor, mas mesmo assim, gostei imenso da personagem dele. E admiro-o de certa maneira, porque manteve-se firme, até ele achar que a sua convicção já não fazia sentido. Gosto de personagens convincentes e que defendam os seus princípios.
Já a Lola, também gostei dela, embora ache que é a típica personagem feminina uma pouco amalucada demais.
Excepto a protagonista do A Pensar Em Ti, acho que ainda não li nenhuma personagem principal feminina que seja uma destravada jovem sem particular visão séria sobre a vida.
Mas enfim, ela deu para divertir. E na verdade, até tenho pena dela. Acho que ela foi uma grande pessoa, quando tomou a decisão que tomou, dez anos atrás. Foi leal para com a família dela e embora ela tenha magoado alguém que ela amava, no processo, acho que foi realmente admirável aquilo que ela fez. Só não percebi depois, e até achei infundado tanta resistência, ao longo da história para contar realmente o que se passou.
Mas lá está, a lealdade também é uma virtude. E muito importante.

Quanto ao Gabe e à Sally, também gostei deles. Eles são realmente divertidos. Quando o Gabe sai de casa da Savannah a pensar no quanto achava aborrecido uma arrumação imaculada, fiquei logo a pular de alegria.

Também gostei muito do Nick. Fico contente com o final que ele teve. Também merece ser feliz. A mãe da Lola, bem.. que personagem hilariante. Também gostei dela e do parzinho dela. São muitos queridos.

Ainda tenho 2 livros por ler da autora que conto ler em breve, porque simplesmente adoro todos os livros dela.

Contudo, a classificação é dado quanto ao enredo e não à tradução, que está uma verdadeira vergonha. 
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s